Correio Central
Voltar Notícia publicada em 20/05/2020

PM apreende em Ouro Preto do Oeste casal com 5 armas, munição e drogas

O casal viajava sentido a Vale do Paraíso, e deu como endereço fixo um sítio na Linha 202.

A Polícia Militar de Ouro Preto do Oeste interceptou um veículo ocupado por um casal no começo da madrugada desta quarta-feira (20) na saída da cidade sentido a Vale do Paraíso (RO-470), com cinco armas de fogo municiadas, e 75 parangas de crack.   

O casal identificado como José R. S., 55 anos, e Ana R. S. V., de 35, que deram como endereço fixo uma propriedade rural na Linha 202, foram encaminhados para a Delegacia Civil e, de lá, após serem flagranteados foram conduzidos para a Casa de Detenção de Ouro Preto do Oeste.  

O veículo ocupado pelo casal interceptado por duas viaturas da PM transportava 01 revólver calibre .38 oxidado, marca Taurus, 01 Rifle calibre .22 oxidado, marca CBC; 01 espingarda calibre 20 oxidado, da marca CBC; 01 Rifle calibre .22 oxidado, 01 espingarda calibre 36 oxidado de um cano.

O casal também transportava duas capas case para transportar armas de fogo de cor camuflada, uma unidade Acessório de arma; duas capas case para transportar armas de fogo, cores diversas; 03 cintos de portar munições; 01 cinto tático e 01 coldre.

Os PMs também encontraram no interior do veículo 75 porções de uma substância esbranquiçada, droga conhecida por crack. A PM relata que todas as armas estavam municiadas, o revólver estava municiado com 06 munições, e o Rifle, Calibre .22, estava com um carregador municiado com 10 munições e as demais armas apenas com 01 munição cada.

O casal estava um veículo Ford modelo Fiesta, emplacamento NCZ-3105/Porto Velho, de cor vermelha, em nome do condutor. Eles estavam trafegando na Avenida Marechal Deodoro sentido ao município de Vale do Paraíso quando foram abordados em uma barreira da PM compostas pelo SGT PM Costa e SD PM Oliveira e a guarnição composta pelo cabo PM Campos e soldado PM Isaias. Os militares deram voz de prisão ao casal e os encaminharam a Delegacia.

O casal vai responder por tráfico e porte ilegal de armas, e como o veículo está em nome do condutor, o delegado de plantão adiantou que a Polícia Civil Judiciária deverá requerer o perdimento do veículo, tendo em vista que o carro estava sendo usado a serviço do tráfico.

VEÍCULO FOI APREENDIDO E RECOLHIDO AO PÁTIO DA UNISP EM OURO PRETO DO OESTE.

Fonte: www.correiocentral.com.br