Correio Central
Voltar Notícia publicada em 28/04/2021

Depois de sair do Japão em navio, Dr. Ito virou médico e pecuarista exemplar em Rondônia

No começo dos anos 80, com a família já estabelecida em terras tropicais, Ito mudou-se para Rondônia depois de ter se formado em medicina e criou novas raízes.

Giro do Boi - Mãos que curam pela medicina e que também produzem alimento nobre para a população brasileira. Foi que se tornou Masahito Ito (foto acima), que em 1956 emigrou do Japão em um navio junto à sua família quando tinha apenas um ano de idade para chegar ao Brasil 70 dias depois.

A embarcação atracou em São Paulo e logo sua família se deslocou ao Paraná. Mais tarde, no começo dos anos 80, com a família já estabelecida em terras tropicais, Ito mudou-se para Rondônia depois de ter se formado em medicina e criou novas raízes, desta vez em Rolim de Moura, e voltou ao Sul do País somente para buscar sua esposa, Dirce, descendente de japoneses que também atua na área da saúde, como cirurgiã dentista.

“Eles começaram na pecuária por volta do ano de 2000, onde estão até hoje ‘fazendo bunito’”, disse o originador do Friboi em Rolim de Moura Matheus Roz em participação no Giro do Boi desta terça, 27, quando fez breve resumo da trajetória da família Ito no Brasil. “São dois grandes profissionais da área da saúde e também grandes profissionais na pecuária”, reforçou.

Roz foi recentemente até a propriedade da família Ito em Castanheiras-RO, com o sugestivo nome de Fazenda Sol Nascente, para acompanhar o embarque de uma boiada pesada. “É a família Ito fazendo a engorda da boiada muito bem feita. Foi um lote de 102 bois que entraram em uma suplementação a base de proteinado. Eles entraram na engorda com um peso médio de 557 kg e ficaram em uma pastagem de braquiária MG5 por 65 dias, comendo aproximadamente dois quilos do suplemento por dia. No embarque, os animais estavam visualmente muito bonitos com boa conformação de carcaça”, enalteceu Roz.

O sucesso do sistema de terminação foi aprovado por mais do que a mera avaliação visual. “A estimativa era de sair do curral com peso médio de 600 kg, mas eles marcaram média de 611 kg. No abate, os animais pesaram média de 22,[email protected], dando um bom resultado, tanto na questão do ganho de peso vivo como no rendimento de carcaça”, informou o originador.

Boiada tratada a pasto: peso vivo de 611 kg na Fazenda Sol Nascente e impressionantes 22,[email protected] após o abate.

“A gente vem acompanhando a evolução da fazenda. Faz muitos anos que a gente conhece o doutor Ito e é muito satisfatório chegar no curral e ver como a qualidade vem evoluindo, como na seleção dos fornecedores de bezerros. Ele vem selecionando e vem tratando os animais, suplementando… E está aí um trabalho fantástico. Quero dizer que toda a equipe da Fazenda Sol Nascente está de parabéns! Eles estão buscando melhorar a cada dia mais e o doutor Ito está bem assessorado para isso e vai conseguir melhorar sempre”, concluiu Roz.

link original: https://www.girodoboi.com.br/noticias/depois-de-sair-do-japao-em-navio-dr-ito-virou-medico-e-pecuarista-exemplar-em-ro/

Fonte: girodoboi.com.br