Correio Central
Voltar Notícia publicada em 10/06/2019

Maníaco que aterrorizou a região de Ouro Preto é condenado por estupro e roubo tentado

Geneci invadiu uma casa, amarrou pai, mãe e filho e depois covardemente estuprou a mulher antes de deixar a residência.

Geneci Martins Alves dos Santos que aterrorizou a região de Ouro Preto do Oeste no mês de março e segundo a polícia cometeu vários crimes nos limites do município e em Mirante da Serra, e Vale do Paraíso, recebeu a condenação na última sexta-feira (07/06) por tentativa de roubo e estupro crime este ocorrido na noite de 30 de março, um sábado.

Entre o dia 29 de março e o dia 2 de abril Geneci cometeu vários crimes brutais, incluindo um latrocínio na Linha 04, onde matou um homem para roubar a motocicleta dele.

Na noite do estupro, o criminoso entrou em uma residência da cidade de Ouro Preto do Oeste para roubar, mas como as vítimas não tinham dinheiro, ele amarrou a família e covardemente estuprou a mulher, depois foi embora sem levar nada, razão pela qual o roubo é considerado tentado e não consumado.

Este foi o primeiro processo dele julgado na 1ª Vara Criminal da Comarca. Em breve, virão os julgamentos dos outros crimes. Nesse crime, ele foi condenado a mais de 13 anos de prisão.

Geneci também é acusado de um latrocínio consumado, que tirou a vida de Ademir Ferreira Barbosa, o “Miro”, de 44 anos, que retornava para Ouro Preto pela linha 04 e foi encontrado morto na segunda-feira (01/04) distante a mais de 1 km de onde estava sua motocicleta, jogada dentro de um rio.  

Geneci matou Ademir Ferreira para roubar moto, e abandonou o veículo jogando-o dentro de um rio

Ele também é acusado de ter cometido mais um latrocínio tentado na Linha 200, quatro roubos consumados, todos esses crimes foram praticados em 5 dias na região até ele ser preso no Jardim Aeroporto pelo delegado Niki Alves Locatelli.

A moto usada por Geneci para praticar o latrocínio tentado num sítio da Linha 200 onde uma das vítimas do assalto reagiu e recebeu três tiros, ele roubou no sábado anterior de um trabalhador rural que foi obrigado a beber meio litro de pinga, em um assalto ocorrido em trecho da Linha 04 do travessão da horta do Japonês, próximo de onde o criminoso teria matado Ademir. 

A moto que Geneci usava quando ele foi preso pelo delegado Niki Locatelli havia sido furtada na cidade de Mirante da Serra, ele também portava na cintura um revólver com seis munições intactas, que foi apreendido pela polícia.

Bandido foi preso pelo delegado portando revólver com seis munições intactas

Criminoso foi peso no Jardim Aeroporto na companhia de um menor

Fonte: www.correiocentral.com.br