Correio Central
Voltar Notícia publicada em 01/11/2017

Ouro Preto: médica denuncia a sua ex por ameaças, perseguição e pede providências à Justiça

A doutora disse que teme por sua integridade e de sua atual companheira e decidiu tornar público as ameaças da ex-companheira

Em Ouro Preto do Oeste, o fim de um relacionamento amoroso entre uma médica e uma profissional também com nível superior gerou um litígio na Justiça em razão de um processo judicial para divisão dos bens pertencentes ao casal. No entanto, a separação provocou outro conflito, desta vez na esfera criminal.

A médica procurou a Delegacia de Polícia Civil na Unisp, em Ouro Preto do Oeste, para registrar queixa contra a sua ex-companheira por ameaças, que ela estaria enviando mensagens de WhatsApp com ofensas para a sua atual companheira, e no último sábado enviou uma mensagem para o celular da doutora, ameaçando passar por cima dela e da sua atual parceira com a caminhonete, caso as encontre na rua.

Um trecho de uma mensagem que a doutora recebeu diz o seguinte: “Vou te matar. Você toma cuidado comigo, se eu passar de carro e ‘ter’ passo por cima de vc”.

E segue: “Você me enganou; eu vou te matar!”. A doutora tem outros prints de conversas com sua ex, de teor ameaçador.

Segundo a denunciante, o relacionamento terminou aproximadamente há um ano e ela até evitou manter contato com sua ex, mas na última troca de mensagens pelo aplicativo de celular o teor da conversa da acusada era de reatar o relacionamento, e diante da resposta negativa teria feito novas ameaças.

Em contato com a reportagem do Correio Central, a médica, que pediu sigilo do seu nome, disse que temendo pela sua integridade física e da sua companheira, decidiu procurar a polícia e tornar público as ameaças.

 

 

 

 

Fonte: www.correiocentral.com.br