Correio Central
Voltar Notícia publicada em 24/02/2018

Na Linha 201 um homem leva um tiro de espingarda por causa de discussão sobre preço de frigobar

Adelson Antunes Bezerra, 49 anos, foi transferido para o Hospital Regional de Ji-Paraná; Eudinei fugiu após atirar no amigo

Uma tentativa de homicídio foi registrada na zona rural de Vale do Paraíso, o crime ocorreu na noite da última quinta-feira na propriedade rural do senhor Alemão na Linha 201, sentido a Linha 153, e foi registrado pela Polícia Militar.  

A vítima da tentativa de homicídio é Adelson Antunes Bezerra, 49 anos, ele mora na antiga horta da saída de Vale do Paraíso, na Linha 133, travessão da Linha 200 para a Linha 201, e o autor da lesão causada por um cartucho de espingarda calibre 32 é Eudinei Santana, 34 anos, que reside em Vale do Paraíso que reside no Setor 04, em Vale do Paraíso.

Adelson Antunes deu entrada no Hospital Municipal por volta de 22h30, ele estava inconsciente, e com uma perfuração no abdômen, abaixo das costelas. O médico plantonista doutor Leno Maltezo informou ao cabo PM Prates que a vítima seria removida para o Hospital Regional, em Ji-Paraná.

Adelson foi levado até o HM pelas testemunhas José Braz der Godói e Luiz Carlos Nascimento. Eles contaram aos policiais militares que a discussão entre a vítima e Eudinei Santana teve início por causa de desacordo a respeito do preço de um frigobar.

A vítima e o agressor trabalhavam juntos em uma empreitada no sítio localizado a 16 km de Vale do Paraíso. Segundo as testemunhas, ambos ingeriam bebida alcoólica e começaram a discutir por causa de negociação em torno do preço de um eletrodoméstico tipo frigobar. Eudinei pedia R$ 300,00 pelo frigobar, enquanto Adelson só queria pagar R$ 250,00.  

Por causa dessa discordância, Eudinei ficou alterado, entrou no quarto da casa onde estavam, pegou uma espingarda calibre 32 e acertou um disparo contra Adelson. Após o disparo, o autor da tentativa de homicídio soltou a arma no chão e saiu correndo.

As testemunhas pegaram Adelson baleado, o colocaram dentro de um automóvel e o levaram para o Hospital Municipal de Vale do Paraíso. A ocorrência foi registrada na Delegacia de Polícia Civil em Ouro Preto do Oeste.

Imagem: ilustrativa

Fonte: www.correiocentral.com.br