Correio Central
Voltar Notícia publicada em 19/07/2017

No bairro Nova Ouro Preto, homem leva surra ao tentar abrir dois veículos, e é entregue para a Polícia Militar; VEJA VÍDEO ABAIXO

O Suspeito reagiu pegando um pau, foi amarrado até a chegada da PM e passou a noite fria na Delegacia de Polícia

Um homem de 32 anos, flagrado tentando abrir as portas de dois veículos em Ouro Preto do Oeste na madrugada desta quarta-feira (19), foi surpreendido pelos proprietários do veículo, levou uns catiripapo (soco, murro, tabefe, bofetada), e foi amarrado no chão frio e poeirento até a chegada da Polícia Militar.     

O fato ocorreu no Bairro Nova Ouro Preto, à rua Carlos Gomes, e o suspeito, de iniciais C.A.N., foi identificado e notificado por tentativa de furto. Segundo relato das vítimas, elas estavam dentro de casa e ouviram um barulho vindo do lado de fora, e ao verificar perceberam que o indivíduo tentava arrombar a porta de um veículo VW Gol, de cor vermelha e um Fiat Uno, de cor branca.  

Ao tentarem impedir que o agente danificasse os veículos o suspeito reagiu, pegou um pedaço de madeira e avançou contra os donos dos carros, que revidaram a injusta agressão. “Ele reagiu, pegou um pedaço pau e rumou no meu primo, mas acertou o portão. Meu primo pulou pra fora e eu já abri a porta da minha casa e nós não batemos muito nele, só reagimos”, contou o proprietário de um dos veículos, de 25 anos.  

“Nós apeamos ele igual apeia porco”, detalhou, narrando o modo como imobilizaram o suspeito no chão, que aparentava sinais de embriaguez.      

O agente suspeito foi conduzido pela Polícia Militar até a Delegacia Civil, onde permaneceu até o dia amanhecer, mas foi liberado logo pela manhã, por que não consumou o crime de furto.

Segundo o plantonista que trabalhou na madrugada, o acusado de tentar furtar os veículos começou a se revoltar, e disse que vai processar os donos dos veículos porque ele não estava tentando furtar o interior dos veículos.

CEJA O VÍDEO DO SUSPEITO PEDINDO PRA MATA-LO, MAS BATER NÃO

POLÍCIA MILITAR COMPARECEU AO LOCAL E CONDUZIU O SUSPEITO ATÉ A DP

   

Fonte: www.correiocentral.com.br