Correio Central
Voltar Notícia publicada em 13/06/2017

Na praça do Parque do Bosque em Ouro Preto, cães farejadores do 2º BPM encantam crianças e público em geral

Atlas atuou nas Olimpíadas e Paraolimpíadas em 2016, no Rio e Cyborg é um cão farejador de entorpecentes que já cumpriu várias missões importantes em Rondônia

Na tarde do último domingo (11), os cães farejadores Atlas e Cyborg, do Pelotão de Choque/Canil do 2º BPM de Ji-Paraná, estiveram em uma demonstração localização de drogas ou explosivos na Praça do Parque do Bosque em Ouro Preto do Oeste, no encerramento da programação do encontro regional dos Clubes de Desbravadores da Igreja Adventista do Sétimo Dia.

Os cães policiais, com quatro anos de idade, disciplinados e treinados para agir em missões especiais, encantaram o público presente ao local público, em especial às crianças que queriam tirar fotos e toca-los.

Atlas é um cão que é utilizado em situações mais excepcionais, como quando foi requisitado pela Força Nacional de Segurança para ir para as Olimpíadas e Paraolimpíadas em 2016 no Rio de Janeiro com a missão de inspecionar estádios, todas as instalações olímpicas e dos atletas antes dos jogos.

O cão de Rondônia que é referência nessa modalidade de Faro de Explosivos teve, entre outras missões, a de realizar o “Lock Dow” – inspeções pré-lacre das instalações das delegações.

Cabo PM Alcântara, também destacou a atuação do cão Cyborg, que já participou em Rondônia de várias ocorrências e encontrou entorpecentes e obteve êxito no trabalho policial. “Hoje nós apresentamos o Atlas, que é o cão de faro de explosivos que foi para as olimpíadas juntamente com o sargento Baltazar, que é o seu condutor e fizemos a apresentação de cão de entorpecente Ciborg, que fareja crack, cocaína, maconha”.

Os cães recebem treinamento diário e desempenham importante função em missões policiais, pois são exímios farejadores de produtos ilícitos.

  

 

 

Fonte: www.correiocentral.com.br - fotos Edmilson Rodrigues