Correio Central
Voltar Notícia publicada em 10/07/2018

Pastor mata casal e filho de 4 anos em acampamento

Depois de uma discussão,  o pastor, de 19 anos, disparou com uma arma de caça contra o pai da família, identificado como Ryan Smith, o que causou sua morte.

Um casal e seu filho de quatro anos foram assassinados por um pastor na cidade de Dusheti, na Geórgia. O homem foi detido ao confessar o crime, informou nesta segunda-feira (9) o Ministério do Interior do país.

Segundo o prefeito da cidade onde ocorreram os assassinatos, Zurab Sejniashvili, as vítimas acampavam nas montanhas de Dusheti e tiveram um conflito com o pastor, que tinha levado seu rebanho para aquele local. As vítimas tinha dupla nacionalidade: americana e georgiana.

Depois de uma discussão,  o pastor, de 19 anos, disparou com uma arma de caça contra o pai da família, identificado como Ryan Smith, o que causou sua morte.

A mulher, Lora, apareceu morta em uma cachoeira, e os investigadores trabalham agora para determinar se ela foi empurrada pelo assassino de seu marido. O pastor afirmou que também matou a criança com um tiro, “porque ela gritava”.

O assassino confesso da família enfrenta agora acusações por assassinato múltiplo. O código penal georgiano prevê condenação a  prisão perpétua.

Fonte: EFE