Correio Central
Voltar Notícia publicada em 09/05/2018

Touro fecunda cinco vacas e todas ficam prenhas de gêmeos

O caso do touro 'Faixa Roxa' é considerado raríssimo para medicina veterinária

Quem chegou para ser apenas um substituto, já ocupa o lugar de reprodutor oficial da fazenda Santa Lúcia, em Santo Antonio do Monte, na região Centro-Oeste de Minas Gerais. 

O touro Faixa Roxa, da raça guzerá, conseguiu a proeza de fecundar cinco vacas e deixar as cinco prenhas de gêmeos. Um caso raríssimo para medicina veterinária, mais raro ainda para os moradores da região. 

Há quase dois anos, o animal foi adquirido por R$1.800 e hoje, segundo o gerente da fazenda, Gustavo Couto, já tem gente interessada em comprar o touro reprodutor. “O touro e as vacas estão passando por alguns testes para saber o que aconteceu. Por enquanto vamos analisar tudo e depois decidir o que será feito”, conta.

Apesar de levar o crédito de reprodutor, a fertilidade de Faixa Roxa pode ser questionada. De acordo com o professor aposentado da UFMG especialista em reprodução animal, Rômulo Cerqueira, a reprodução gemelar está ligada à capacidade de ovulação das fêmeas. “Nunca vi isso acontecer, mas acredito que o boi não seja o responsável. Pode ter acontecido, por excesso de hormônios, que as vacas tenham ovulado mais de um óvulo”, analisa .  

Mas o veterinário da fazenda, Jorge Henrique Borges garante: não houve nenhuma mudança no trato das vacas. “As vacas não receberam nenhum tipo de super tratamento para ovular, nada mudou”, certifica. Ainda segundo o veterinário, casos como esse têm menos de 1% de chance de acontecer. “Com outros machos isso não aconteceu, por isso acredito que o Faixa Roxa seja o responsável pela reprodução gemelar das cinco vacas”, diz o veterinário.

Sendo coincidência ou não, os moradores de Santo Antonio do Monte, cidade conhecida pela produção de fogos de artifício, agora têm motivos em dobro pra comemorar.

RAQUEL PENAFORTE

Fonte: O Tempo