Correio Central
Voltar Notícia publicada em 16/03/2017

Agência do Banco do Brasil de Ouro Preto investiu R$ 146 milhões para o município

Agricultores estão adquirindo recursos para investimentos; prefeitura quer recursos para adquirir maquinário rodoviário

A Agência do Banco do Brasil em Ouro Preto do Oeste já investiu no município a quantia de R$ 146 milhões, com linhas de crédito.

Para o agronegócio, a instituição dispõe de recursos destinados a pequenos e médios produtores rurais para custeio e investimentos na cadeia produtiva da região.

O gerente da Agência local, Nelsonete Rodrigues de Oliveira, esteve em audiência com o prefeito Vagno Gonçalves Barros, o Vagno Panisoly (PSDC), com o propósito de informá-lo das ações da instituição voltadas para o agronegócio, e na ocasião também foi discutido sobre as possibilidades de o Banco do Brasil disponibilizar recursos para a prefeitura de Ouro Preto investir em infraestrutura para melhorar as condições das comunidades rurais.

De acordo com Nelsonete, a procura de créditos rurais tem sido satisfatória tanto para a agricultura empresarial como para a agricultura familiar, pelas linhas de financiamento do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). “O agricultor está captando recursos. Nós aplicamos até o final do ano passado 22 milhões somente no agro para pequeno e médio produtor, e os cadastros de novos contratos estão ampliando”, informa.

Com relação à administração, o prefeito Vagno mostrou interesse em viabilizar a linha de crédito Provias – Programa de Intervenções Viárias, linha de crédito com recursos do BNDES, que tem por objetivo financiar a aquisição de máquinas e equipamentos nacionais novos, cadastrados no BNDES, destinado a intervenções em vias públicas, rodovias e estradas.

“Estamos colocando o Provias a disposição do prefeito este programa. Ele nos solicitou as condições para uma linha de crédito que é especialmente para a prefeitura, e que é geralmente usado para aquisição de máquinas, patrol, caçamba”, relatou o gerente do BB. Atualizado.

PRODUÇÃO DE SILAGEM DE MILHO NA LINHA 153, EM OURO PRETO DO OESTE

Fonte: Por Edmilson Rodrigues