Correio Central
Voltar Notícia publicada em 01/08/2020

População de Ouro Preto denuncia motoqueiros que perturbam o sossego da sociedade

Empinadores de motos, moto sem o miolo do escape e alta velocidade em veículos e motos podem causar mais tragédias no trânsito da cidade.

ESTA PUBLICAÇÃO CONTÉM IMAGENS FORTES - A Polícia Militar de Ouro Preto do Oeste tem combatido condutores de motocicletas que praticam manobras perigosas, empinam o veículo, andam em alta velocidade, e emitememitinfrações como autuação de pais de menores ao volante de veículo ou motocicleta.

No final da madrugada deste sábado, a PM flagrou um menor dirigindo veículo e a multa será salgada, as sanções do processo na esfera criminal serão de responsabilidade do pai ou mãe que entregou a chave para o menor conduzir veículo. Mas muitos pais que ainda não enfrentaram as audiências no fórum continuam entregando chave de veículo ao filho (a) menor.  

Durante a semana, ao menos dois motociclistas que estavam empinando motocicleta foram detidos por uma guarnição da Polícia Militar, tiveram seus veículos apreendidos e também vão sofrer consequências.  

SANGUE NO ASFALTO - VIDAS PERDIDAS OU INUTILIZADAS PARA SEMPRE

Ouro Preto do Oeste amarga um triste índice de tragédias que aconteceram no trânsito urbano e ceifaram vidas, mas as irresponsabilidades continuam inutilizando vidas, na maioria de jovens.

“Segundo o artigo 244, inciso III, do CTB, empinar moto (ou, em outras palavras, conduzir motocicleta equilibrando-se apenas em uma das rodas) é uma infração gravíssima, cujas penalidades são bastante rígidas. - Suspensão automática do direito de dirigir”.

Na manhã desta sexta-feira, uma moradora do Jardim Aeroporto I enviou um áudio para o programa de Jornalismo do repórter Willians Soares onde relatou exatamente o que acontece ultimamente nesses tempos de pandemia, pedindo providências par coibir motoqueiros que retiram o miolo do escapamento da moto e aceleram forte a qualquer hora do dia e durante a madrugada pelas ruas da cidade.

“Na cidade está tendo muito motoqueiro andando em alta velocidade, empinando moto, com os escapes barulhento que tá deixando a gente diodo da cabeça”.

“Depois das 5 (17) horas na Rua Itamauru Gois de Siqueira passa cada motoqueiro numa pressa empinando moto e essa barulhada desses escapes. A noite você vai fazer caminhada o que se mais são os motoqueiros entregadores de delivery andando numa velocidade que você fica horrorizada”, continuou a reclamante.

“Parece que não vai ter ninguém na frente deles de tanta pressa que eles estão. Isso é um perigo tanto pra um animal que esteja na rua, pra uma criança que tá atravessando a rua, é um perigo pra qualquer uma pessoa.

Eles têm que ter consciência”, finalizou a cidadã que fez um alerta importante, de que tragédias podem ocorrer a qualquer momento nas ruas de Ouro Preto do Oeste. A Rua Itamauru é pavimentada, somente com residências, moto em alta velocidade pode causar uma tragédia.       

A PM também já autuou esta semana motociclistas praticando essa falta de respeito com e incomodando o silêncio alheio. Até os animais domésticos ficam alterados quando motos com escape sem miolo para em frente à residência.    

“De acordo com o artigo 230, parágrafo VII, do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), conduzir o veículo com alguma característica alterada, seja ela cor ou até mesmo o escapamento, é uma infração de trânsito grave, gerando ao condutor uma multa no valor de R$195,23 e medida administrativa, ficando o veículo retido para regularização”.

“É cultural em Ouro Preto do Oeste porque vem de muito tempo”, disse um sargento da PM que comandou a viatura na última madrugada, e lidou que os problemas revelados pela ouvinte da Rádio Rondônia.

Imagem - trabalhador morto na calçada por um motociclista bêbado na Jorge Teixeira com a Rua Roraima

Com o confinamento da sociedade em razão da pandemia do coronavírus e a paralisação das blitze, motociclistas irresponsáveis estão cometendo barbaridades no trânsito. É comum ver homens e mulheres acelerando a moto com uma mão e trocando mensagem de whatsApp com a outra mão. O cérebro dele (a) consegue assimilar as duas coisas?

A PM praticamente dobrou a responsabilidade e chegar em tempo em residências onde há casos de violência doméstica; brigas em família ou em bares por embriagues; crimes de estupro consumado e tentativas de estupro ou pedofilia, além de atender a ocorrências de crimes contra o patrimônio – arrombamento, furtos e roubos.  

O trânsito na cidade de Ouro Preto do Oeste já ceifou muitas vidas e tem deixado jovens em período de produtividade inúteis em leitos de UTI, os que sobrevivem ficam com sequelas que vão comprometer o seu futuro,e o de sua família.

Como disse o experiente policial, de fato é questão é cultural, de “consciência” a culpa não é da PM ou da Justiça que pune os infratores flagrados cometendo delito.  

Muitas vidas já foram perdidas no trânsito de Ouro Preto do Oeste, mas o número de condutores que pilotam sem preocupação em matar inocentes aumenta a cada dia

A redação do site Correio Central tem dezenas e centenas de cenas de acidente na cidade, rotineiro, todos os dias. 

  

Fonte: www.correiocentral.com.br