Correio Central
Voltar Notícia publicada em 28/04/2021

Jovem de Ouro Preto do Oeste morre 20 dias após o pai falecer em acidente de moto na BR-364

Diogo Rodrigues, 19 anos, permaneceu internado em Porto Velho, em uma UTI do Hospital João Paulo II em coma induzido. Ele foi sepultado ontem.

O jovem Diogo Rodrigues Magalhães, 19 anos, que conduzia a motocicleta Honda 160 Bros, envolvida em um grave acidente ocorrido na BR-364 no dia 07 de abril, no trecho próximo da balança desativada do Dnit, que ceifou a vida de seu pai Robiner Galdino, o “Beto”, de 49 anos, não resistiu e também veio a óbito em Porto Velho, pra onde foi encaminhado depois de passar pelo pronto socorro do Hospital Municipal.  

O acidente aconteceu a cerca de 10 km de Ouro Preto do Oeste, envolvendo ao menos três veículos e a motocicleta. O pai de Diogo faleceu no local enquanto ele foi socorrido com vida, mas em estado grave devido a pancada que sofreu na cabeça e no peito.

Ambos seguiam sentido a Ji-Paraná, e tinham como destino a propriedade onde residiam, localizada menos de 2 km à frente, depois da ponte sobre o Rio Boa Vista. Diogo foi sepultado às 12:30min de ontem, terça-feira (27/04) no cemitério Campo Santo.

O jovem permaneceu internado por 20 dias em Porto Velho, em uma UTI do Hospital João Paulo II em coma induzido.

Diogo apresentava um coagulo na cabeça e um dreno no pulmão, o que segundo amigos próximos lhe causava constantes febres. No final de semana, o jovem que havia apresentado melhoras significativas, inclusive passou pelo procedimento de extubação, foi transferido para o AME onde seu estado de saúde piorou e ele veio a falecer.

Com a morte de Robiner e do filho Diogo, a família segue a vida com a viúva e duas filhas com idade entre 10 e 14 anos.

Robiner, o "Beto" como era conhecido nos campos de futebol, faleceu no dia do acidente. O filho Diogo sobreviveu mais 20 dias em uma UTI na Capital, porém não resistiu e também faleceu. 

   

 

Fonte: www.correiocentral.com.br