Correio Central
Voltar Notícia publicada em 13/09/2021

Em Rondônia, entidades e autoridades lamentam morte de Pedro José Bertelli, presidente do Sindileite/RO.

Pedro José Bertelli, dos Laticínios Miraella e indústria Sorolac, em Rolim de Moura, morreu de Covid-19 em Goiânia.

Várias homenagens póstumas estão sendo publicadas no estado de Rondônia pelo falecimento do empresário rolimourense Pedro José Bertelli, aos 77 anos, ocorrido na tarde de sábado (11/09), em Goiânia (GO), vitimado por complicações da Covid-19.

Pedro Bertelli era proprietário dos Laticínios Miraella e da Sorolac, indústria de soro de leite em pó, todas com sede na região de Rolim de Moura, e há mais de uma década presidia o Sindicato das Indústrias de laticínios no Estado de Rondônia (Sindileite/RO).

O sepultamento do empresário ocorreu às 8hs desta segunda-feira no Cemitério de Patrocínio Paulista/SP, no mausoléu da família. Pedro José Bertelli deixa viúva a professora Regina Helena Figueiredo Bertelli, os filhos Rodrigo e Rogério Bertelli e neto.  

A Prefeitura de Rolim de Moura decretou luto oficial de três dias no município e a Câmara Municipal emitiu nota de pesar pela morte do empresário. A diretoria da Italac - Goiás Minas Laticínio LTDA - emitiu Nota de Pesar e o Sindileite/RO, através de sua diretoria destaca em nota que Pedro Bertelli foi um “desbravador empresário que tanto contribuiu para a atividade leiteira e pelo desenvolvimento do Estado de Rondônia”.  

O Senador Marcos Rogério (DEM) também expressou seus sentimentos: “Recebo com pesar a notícia do falecimento do empresário de Rolim de Moura Pedro José Bertelli, devido a complicações da Covid-19.  Empresário do ramo de laticínios, Bertelli, contribuiu muito com o desenvolvimento do estado, sobretudo com o município de Rolim de Moura”, publicou. O senador Confúcio Moura (MDB) escreveu em sua página no Twitter que perdeu um grande amigo pioneiro em Rondônia.

Imagem: inauguração da Sorolac em Rolim de Moura pelo visionário Pedro José Bertelli

A Grande Loja Maçônica do Estado de Rondônia (GLOMARON), destacou em Nota de Pesar que a morte de Pedro José Bertelli é uma perda irreparável para a sociedade rondoniense.   

NOTA DE PESAR DA GLOMARON 

A trajetória de Pedro José Bertelli em Rondônia começou pelo município de Ouro Preto do Oeste em 1988. Ele veio para trabalhar com o irmão Rômulo Bertelli, que implantava no estado a primeira indústria que foi o Laticínio Ouro Branco, com outros dois sócios.

Dois anos depois, Bertelli se mudou para Rolim de Moura. Nas três décadas seguintes, ele construiu as unidades dos Laticínios Miraella na região da Zona da Mata e a indústria Sorolac.

Bertelli veio para Ouro Preto do Oeste em 1988 onde o irmão, Rômulo, com mais dois sócios, fundaram o laticínio Ouro Branco, cuja planta foi adquirida pela exrtinta multinacional Parlamat. Dois anos depois, o empresário se instalava em Rolim de Moura.  

NOTA DE PESAR - SINDILEITE

NOTA DE PESAR - ITALAC - GOIÁS MINAS LATICÍNIO LTDA.

 

Fonte: www.correiocentral.com.br