Correio Central
Voltar Notícia publicada em 08/11/2019

CPA10: Institutos de Previdência de Rondônia formam servidores em Ouro Preto do Oeste

O curso CPA10 repassa conhecimentos técnicos necessários para os gestores não errar na hora de aplicar o dinheiro dos servidores.

Representantes de 15 Institutos de Previdência de servidores públicos de municípios rondonienses participam em Ouro Preto do Oeste (RO) do Curso Preparatório para Certificação Profissional ANBIMA CPA10, aplicado pela Crédito & Mercado – Educação Executiva em parceria com o Instituto dos Servidores Públicos Municipais (IPSM).

A má gestão na hora de investir o dinheiro do servidor público pode trazer prejuízo para o Instituto de Previdência em razão da falta de conhecimento dos gestores, e de outros fatores negativos. Uma série de fatores, como a falta de conhecimento na hora da aplicação do recurso, o atraso no repasse da prefeitura, influenciam na renda futura dos servidores.

O curso CPA10 repassa conhecimentos técnicos necessários para os gestores não errar na hora de aplicar o dinheiro dos servidores. A Secretaria de Previdência, através de suas portarias, recomenda que todos os servidores participantes do comitê de investimentos, do Conselho Deliberativo, e do Conselho Fiscal dos Institutos de previdências municipais, têm que ter uma certificação técnica.

O consultor Sérgio Pinho, com registro na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), palestrante da Crédito & Mercado – Educação Executiva que desenvolve conteúdo para executivos de mercado financeiro, com sede em Santos (SP), é responsável pelo Curso de aprendizado que é aplicado no plenário da Câmara de Vereadores, com duração de dois dias.

No curso, os servidores dos Institutos Municipais aprendem basicamente como funciona o mercado financeiro, e como usá-lo a favor das finanças arrecadadas dos servidores que a previdência municipal acumula em suas contas. “A ideia aqui é ensinar que eles, saber quando perceberem o momento favorável em que podem usar o mercado financeiro a favor deles. Com a parte dos recursos que eles economizam todo mês, que hoje é 11% da renda, eles têm que depositar no mercado financeiro de forma que consigam fazer essa renda aumentar pra lá na frente o servidor ter o direito a aposentadoria”, orienta.

O consultor alertou durante o curso que as mudanças na Reforma da Previdência poderão provocar um achatamento na renda dos servidores previdenciários, e é preciso que os gestores dos institutos estejam atentos, saber como funciona os trâmites do mercado financeiro e ter o entendimento técnico de como sobreviver em meio as incertezas.

Sebastião Pereira da Silva, presidente do IPSM, informou que somente de Ouro Preto do Oeste 10 servidores do Instituto estão participando do curso, o que vai melhorar a capacidade técnica do instituto.

O administrador de empresas Manoel Luiz Junior, que também é consultor da Crédito & Mercado, destaca que são duas as certificações que existem no mercado financeiro brasileiro. Uma certificação é feita com o curso do CPA10 pela ANBIMA, que é aplicado em Ouro Preto do Oeste. O outro curso, é o do Certificado de Gestão em Regime Próprio de Previdência – CGRPPS. “O próprio nome já diz tudo, ou seja: é uma certificação voltada pra o Instituto de Previdência feito pela Apimec”, distingue Sérgio.

Manoel explica que, o curso de certificação proporciona conhecimento técnico financeiro na tomada de decisão por parte dos gestores dos institutos de previdência que não pode aplicar o recurso a bel prazer, e sim onde a lei determina e com anuência do Comitê de Investimentos.

Fonte: www.correiocentral.com.br - fotos Edmilson Rodrigues