Correio Central
Voltar Notícia publicada em 05/02/2020

Raiva bovina mata bezerro em fazenda e 18 propriedades são notificadas para nova vacinação em RO

De acordo com a Idaron, os outros 12 animais foram enterrados pelo dono da fazenda em dezembro e, por isso, não foi possível identificar se eles também morreram em decorrência da raiva.

Do G1 RO - Um laudo divulgado nesta semana confirmou um caso de raiva bovina em uma fazenda de Cabixi (RO), a 808 km de Porto Velho. Segundo a Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril de Rondônia (Idaron), outros 12 animais morreram na mesma propriedade, em dezembro de 2019, e só agora o proprietário teria informado os óbitos.

No final do mês de janeiro, a veterinária da agência local foi acionada até a propriedade para investigar a morte de um bezerro na fazenda. Após os exames, o resultado foi positivo para raiva.

De acordo com a Idaron, os outros 12 animais foram enterrados pelo dono da fazenda em dezembro e, por isso, não foi possível identificar se eles também morreram em decorrência da raiva.

O Coordenador do Programa Estadual de Controle da raiva dos Herbívoros, Dalmo Bastos Sant’Anna, informou ter notificado todas as fazendas pecuárias localizadas em um raio de 12 quilômetros.

“As 18 fazendas que estavam nesse raio foram notificadas sobre a situação. Ao todo, 16 propriedades já vacinaram todos os animas e, até ontem, apenas duas ainda não tinham terminado com as vacinações” disse o coordenador. Também está sendo realizado na região o controle de morcegos, transmissores da doença.

Ainda segundo o coordenador, o último caso da doença no estado foi em Seringueiras (RO), em novembro do ano passado. Na época, três bovinos foram infectados em duas fazendas diferentes.

A Idaron informou que enviou um ofício para a Secretária de Estado da Saúde (Sesau) para descartar a infecção em seres humanos, pois o proprietário e vaqueiro tiveram contato com o bezerro.

Por Vitória Gomes

Fonte: G1RO