Correio Central
Voltar Notícia publicada em 03/06/2018

Vale do Paraíso: homem sem documentos é esfaqueado no distrito de Santa Rosa e seu estado é grave

Antes de entrar em coma, vítima disse que se chama Ezio mas a PM não localizou documentos, endereço ou parente.

Um homem sofreu vários golpes de faca na região do peito e do abdômen na madrugada de sábado (2), na principal avenida do distrito de Santa Rosa, que fica distante a 35 Km da cidade de Vale do Paraíso.

Até a noite de domingo, a informação é que o estado da vítima é grave, e embora ela tenha apresentado um nome antes de entrar em coma, não possuía documentos nem deu seu endereço, e segundo moradores ele apareceu no distrito de Santa Rosa na tarde anterior a madrugada que sofreu a tentativa de homicídio.

Segundo a Polícia Militar, a vítima foi socorrida a Vale do Paraíso pelo motorista da ambulância e uma enfermeira do distrito que foram acionados por populares por volta de 1h15 da madrugada.

De vale do Paraíso, o médico plantonista encaminhou o homem esfaqueado para o Hospital Regional de Ji-Paraná, onde há mais recursos, devido as graves lesões que a vítima tinha no peito e no abdômen.  

A vítima, que chegou no distrito na tarde de sexta-feira, antes de entrar em estado de coma disse que seu nome é Ezio de Oliveira Costa, e tem 29 anos. No entanto, a Polícia Militar não conseguiu localizar documentos com a vítima e nem um parente ou conhecido.

A reportagem do site Correio Central entrou em contato com a Polícia Militar de Vale do Paraíso por volta das 19 horas deste domingo, e a informação atualizada do hospital de Ji-Paraná é de que o paciente apresentava estado de saúde muito grave, ia passar por outra cirurgia e, quase 70 horas após o ocorrido, não há dados nem documentos sobre ele.

“Não temos muita informação, essa vítima foi esfaqueada duas horas da madrugada de ontem. Não teve informação porque ele chegou à cidade no dia anterior sem documentos e foi esfaqueado”, relatou um dos policiais militares de plantão.

Imagem: ilustração 

 

 

Fonte: www.correiocentral.com.br