Correio Central
Voltar Notícia publicada em 15/04/2018

Ouro Preto: Polícia registra um arrombamento em uma casa na área rural e furto em sala da Paróquia

Quando não arrombam porta ou janela, os ladrões sobem pelo telhado, por muros, e utilizam até escada dentro da residência. 

Mais duas ocorrências de crime de furtos foram registradas na Delegacia de Polícia Civil da cidade de Ouro Preto do Oeste na sexta-feira, 13.

Este tipo de crime, infelizmente, só ocorre por que os ladrões encontram quem compra produtos sem se preocupar se é objeto de furto ou roubo. Quando não arrombam porta ou janela, os ladrões sobem pelo telhado, por muros, e utilizam até escada dentro da residência. 

Foi comunicado na Polícia Civil um arrombamento em uma residência localizada na Linha da Enac Terraplanagem, saída para a Linha 04 da RO-470 (Linha 81), e um furto que teria sido praticado na sala onde funcionava a Pastoral da Saúde, num ponto da quadra da Paróquia de Nossa Senhora Aparecida.  

O furto na quadra da Igreja ocorreu em uma sala da Secretaria onde era oferecido medicação homeopática para tratamento de saúde alternativo pela Pastoral da Saúde, e que está fechado e interditada pela Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa) desde o início do ano.

Nesse caso, não houve arrombamento. Porém, foi registrado pelo representante da Associação vinculada à igreja que mantinha o local, o desaparecimento de uma TV marca Toshiba, de 50 polegadas, e um de um notebook marca VAIO, na cor branca. Na há suspeita de autoria do crime.

O outro crime contra o patrimônio alheio ocorrido na sexta-feira a noite, ocorreu na chácara da Enac Terraplanagem, na saída para a Linha 04. A dona da casa, de iniciais E.T., de 37 anos, comunicou à Delegacia no sábado pela manhã que ladrões conseguiram arrombar a janela do quarto da sua residência e promoveram uma desordem absurda.

A vítima comunicou que foi furtado uma TV LED marca Philco, de 39 polegadas, um aparelho de DVD, um estojo de amostra da Hinode, uma colcha vermelha, provavelmente para enrolar na TV, e a CNH da dona da casa.

CASAL PEDE COMIDA

Ainda na sexta-feira 13, no Bairro Alvorada (Industrial), à rua Pedro Alvares Cabral, o senhor de iniciais A.R.O., de 50 anos, abriu a porta da sua casa as 7 horas da manhã para um casal que dizia estar com muita fome, e pediram comida.  

Enquanto o dono pediu licença para ir ao banheiro, a dupla mostrou que tinha apetite era para o crime, e furtaram a carteira da vítima de cor marrom, e deram no pé antes que ele voltasse do banheiro. Na carteira da vítima estavam todos os seus documentos, cartões bancário e de saúde (SUS e de Saúde), além do Certificado de Reservista.

O dono da residência descreveu o casal como sendo uma mulher franzina, de cabelo ‘amarelado’, e um indivíduo moreno, de cabelo curto, que tem uma deficiência visual.

FOTO - INTERIOR DO QUARTO EM RESIDÊNCIA EM OURO PRETO VISITADA POR LADRÃO

Fonte: www.correiocentral.com.br - fotos Edmilson Rodrigues