Correio Central
Voltar Notícia publicada em 15/11/2017

Morre no Heuro mais uma vítima do acidente na BR-364: Tiago Almeida Lima, morador de Jaru

Tiago Almeida foi encaminhado para Cacoal, mas faleceu as 8:30h; estado de Érica Maia de Machadinho é gravíssimo

Faleceu pouco depois de 8h30 da manhã desta quarta-feira no Hospital de Urgência e Emergência Regional (Heuro) em Cacoal, Tiago Almeida Lima, 29 anos, uma das vítimas do acidente ocorrido na noite de ontem na BR-364, depois da balança desativada do Dnit, em que um Chevrolet Cruze dirigido por um médico indo para Ji-Paraná colidiu de frente com um táxi que seguia para Jaru com quatro passageiros.

Tiago era morador de Jaru, trabalhava como motorista e recebeu atendimento no Pronto Socorro do Hospital Municipal Dra. Laura Maria Carvalho Braga; ele sangrava pela boca, e conversava com dificuldade.

Quem também se recupera do acidente e apresenta quadro grave é a jovem Érica Maia de Oliveira, 20 anos, que mora em Machadinho do Oeste. A irmã de Érica, que a acompanha no Heuro em Cacoal, falou com a reportagem do Correio Central e disse que a jovem se recupera, e o momento é de orar e pedir a Deus pela sua irmã.  

“Ela foi operada e está respirando pelo aparelho. A Érica tinha comido muito antes do acidente, e na cirurgia foi retirado 80% do intestino. Tinha pedaço do fígado dentro do pulmão esquerdo dela”, contou a irmã. Érica havia ido a Ji-Paraná fazer um acerto com a empresa que trabalhava, pois tinha arranjado outro emprego.

Situação igual a de Márcio Pereira de Andrade, 36 anos, carreteiro que mora em Ouro Preto do Oeste, no Jardim Aeroporto, e trabalhava numa carreta com a frase “Tucura” na cabine. Márcio foi a Ji-Paraná entregar a carreta que trabalhava, pois havia conseguido emprego na Dudu Transportadora. “Ele deixou o caminhão, pegou as coisas dele e pegou o táxi na rodoviária para vir pra casa”, disse o pai de Márcio, ainda no HM de Ouro Preto.

O motorista do táxi modelo Fiat Gran Siena Jonas Martins dos Santos, 46 anos, foi encaminhado para Porto Velho, com várias quebraduras pelo corpo. O diretor do Hospital Municipal Dra. Laura Maria Carvalho Braga Boby Charlton Gois Gil disse que foi necessário acionar médicos para reforçar o plantão, e que dois profissionais médicos viajaram nas ambulâncias acompanhando os acidentados transferidos para Cacoal e Porto Velho.

 A colisão frontal envolvendo o Táxi modelo Gran Siena da cidade de Jaru conduzido pelo taxista Jonas com passageiros de Ouro Preto, Jaru Ji-Paraná, e de Machadinho do Oeste, e um Chevrolet Cruze que era dirigido pelo médico que seria o urologista Hélio Nunes, que trabalha no hospital Mater Dei em Ouro Preto e Center Clínica, ceifou na hora a vida de um mototaxista Ailton Ribeiro Sobral conhecido por "Negão da Moto Táxi", de Ji-Paraná, e agora falece Tiago Almeida.

Não há informação se o médico sofreu algum ferimento, tampouco sobre ele foi internado ou não em algum hospital de Ji-Paraná.

PROIBIDA A REPRODUÇÃO DO TEXTO E FOTOS SEM INFORMAR A FONTE. PLAGIAR MATÉRIA TAMBÉM É CRIME E IMORAL. 

MÉDICOS REMOVERAM 80% DO INTESTINO DE ÉRICA MAIA DEVIDO AS COMPLICAÇÕES SOFRIDAS 

IMAGEM: ARQUIIVO PESSOAL

Fonte: www.correiocentral.com.br