Correio Central
Voltar Notícia publicada em 18/06/2018

Menor de 15 anos é esfaqueado em Ouro Preto durante a comemoração do empate entre Brasil e Suíça

Na foto, mãe do menor que estuda na Escola Monteiro Lobato, mostra as roupas rasgadas e ensanguentadas do filho.

Um adolescente com 15 anos de idade foi esfaqueado na avenida Daniel Comboni, próximo ao local onde havia a comemoração do empate da partida entre Brasil e Suíça pela Copa do Mundo de futebol e teve de ser transferido da unidade hospitalar pública de Ouro Preto do Oeste para Ji-Paraná, ainda na noite de domingo.

O menor levou a facada durante uma briga generalizada nas imediações dos bares localizados na avenida com a rua Seringueiros, em uma confusão em que a Polícia Militar só conteve após fazer uso de spray de pimenta, e efetuar três disparos de tiro não letal para afastar um grupo mais eufórico, que insinuava que iria avançar contra os militares.

A vítima da facada, de iniciais J.P, que mora no Bairro Liberdade, e é estudante do período vespertino da Escola Estadual Monteiro Lobato pelo Projeto Salto (correção de fluxo), foi atingida abaixo do tórax, do lado esquerdo, socorrida no Hospital Municipal e encaminhada para Ji-Paraná, ao Hospital Regional.

O autor do golpe que atingiu o menor reside no Jardim Novo Estado, é maior de idade e estava na companhia de outro rapaz. Segundo familiares, o menor não estava envolvido na briga, e foi golpeado covardemente.

A mãe do adolescente, estava inconformada na Delegacia Civil com a situação porque outro filho dela, de 18 anos, que estava com o irmão, foi atingido por um tiro de bala de borracha e conduzido para a Delegacia de Polícia Civil juntamente com um amigo dele; ela reclamou que os dois indivíduos, um deles autor da facada, não foram detidos.

No entanto, no relatório policial o menor com o irmão e o terceiro jovem são citados como envolvidos na rixa causada na avenida Daniel Comboni.     

 

 

 

Fonte: www.correiocentral.com.br