Correio Central
Voltar Notícia publicada em 11/01/2017

Lavrador do Assentamento Margarida Alves leva uma surra em Ouro Preto na praça dos Três Coqueiros, de desconhecidos

Agileu Pereira dos Santos levou umas pauladas na cabeça, foi hospitalizado e não sabe dizer quem o agrediu num bar da praça dos Coqueiros

Um homem de 57 anos de idade foi espancado por um grupo de desconhecidos na tarde da última terça-feira (10) na praça dos Três Coqueiros, via marginal da BR-364, na área central da cidade de Ouro Preto do Oeste, e teve que ser socorrido ao pronto socorro do Hospital Municipal Dra Laura Maria Carvalho Braga, onde ficou em observação.

 A vítima Agileu Pereira dos Santos, que reside em uma propriedade rural localizada no travessão 28 da RO-470, no Assentamento Margarida Alves, município de Nova União, sofreu dois cortes na cabeça, hematoma e fratura no ombro direito, e afirmou que foi agredida a pauladas. A polícia registrou crime de lesão corporal, porque nada da vítima foi levado.

Agileu contou aos soldados PM Barbosa e A. Pinheiro que estava bebendo cerveja em um bar localizado na praça dos Coqueiros, não sabe o motivo que foi agredido, e não conhece os agressores. Ele disse que veio de Minas Gerais para Rondônia trabalhar a limpeza e desbrota de cafezal numa propriedade rural localizada entre o travessão da Linha 28 e o Assentamento Margarida Alves.

A Polícia Militar não conseguiu nenhuma testemunha que narrasse detalhes do que aconteceu, nem apontasse os autores da agressão ao agricultor.

 

 

 

 

Fonte: Por Edmilson Rodrigues