Correio Central
Voltar Notícia publicada em 14/05/2017

Em Ouro Preto, homem senta à mesa para beber com dois indivíduos e depois é assaltado pela dupla sob a mira de uma peixeira

O trio bebeu até as 3 da madrugada, mas na hora de irem embora dois deles resolveram assaltar o colega de buteco

A gíria informal “tá osso”, ultimamente em Ouro Preto do Oeste vale até na hora de sentar num boteco para relaxar e jogar conversa fora.

Que o diga o cidadão com nome de iniciais S.S.F, de 34 anos que bebeu até depois das 3 da madrugada na companhia de dois indivíduos, e na hora que estavam indo embora foi rendido pela dupla; um deles com uma faca à mão rendeu e o outro retirou a carteira do bolso da vítima, pegou a quantia de R$ 100,00 e também se apossou de um celular LG de cor branca.

O crime registrado pela PM como “Roubo com Restrição de Liberdade da Vítima”, ocorreu na madrugada deste domingo (14), na Avenida Jorge Teixeira, no Jardim Novo Estado.

Os dois autores do roubo foram detidos pela vítima com apoio de populares até a chegada da polícia, dois celulares (sem nota) foram apreendidos com um dos agentes, mas o celular e o dinheiro da vítima não foram recuperados.

Segundo boletim policial registrado pelos Pms da corporação da 3ª Cia/PO/OPO, o autor do roubo identificado por Wesley Fernando Lourenço dos Santos, de 31 anos, se encontrava escondido dentro de sua casa e estava com a faca utilizada no roubo e dois celulares que o segundo indivíduo (que não teve o nome incluído na ocorrência) alegou serem dele, mas não comprovou.

A vítima e os acusados do crime foram conduzidos até a Delegacia Civil pela guarnição da Polícia Militar composta do cabo PM Adecesar e dos soldados Gueiras e Nilzon.

Fonte: www.correiocentral.com.br - Imagem: ilustração