Correio Central
Voltar Notícia publicada em 02/01/2018

Em Ouro Preto, dois dos 46 que ganharam saída temporária no Natal não retornaram à Casa de Detenção

Joilson Oliveira e Clóvis Costa Pereira não se reapresentaram no sábado à tarde e são considerados foragidos da Justiça

Dos 46 presidiários que cumprem pena na Casa de Detenção de Ouro Preto do Oeste no regime semiaberto, que saíram de licença temporária para retornar e se reapresentar no dia 30 de dezembro, último sábado, às 18 horas, dois deles não voltaram para o sistema prisional e são considerados foragidos da Comarca. Apenas 15, dos 46 apenados que saíram para passar o Natal em casa, usavam tornozeleira eletrônica. 

Os apenados que não retornaram são Joílson de Oliveira Souza, 22 anos, e Clóvis Costa Pereira, de idade não fornecida, ambos são réus presos sob a acusação de furtos e roubos, e segundo a polícia e agentes penitenciários são usuários de drogas e, soltos nas ruas, podem praticar crimes para satisfazer o vício.

Joilson é ladrão maldoso, e é conhecido na região de Ji-Paraná e Machadinho do Oeste. Em Ji-Paraná, em 2016, na zona rural ele praticou um roubo contra um casal de idosos na Linha Itapirema usando o truque de desligar o padrão para atrair a vítima para fora de casa.  

Em Machadinho, Joilson é suspeito de em 2014 ter cometido um roubo em que ele jogou a vítima dentro de um poço para tentar matá-la.

Qualquer informação sobre o paradeiro de Joilson de Oliveira Souza ou de Clóvis Costa Pereira pode ser repassada à Casa de Detenção, Delegacia de Polícia Civil ou quartel da Polícia Militar mais próximo, e o sigilo do nome do delator será mantido.

JOILSON DE OLIVEIRA SOUZA PODE ESTAR NA REGIÃO DE JI-PARANÁ, OU HOMIZIADO PRÓXIMO DE OURO PRETO

CLÓVIS COSTA PEREIRA NÃO SE REAPRESENTOU NA CASA DE DETENÇÃO NO SÁBADO

Fonte: www.correiocentral.com.br