Correio Central
Voltar Notícia publicada em 18/05/2017

Dona de casa quase é estuprada por um tarado quando estendia roupas no varal, na zona rural de Ouro Preto do Oeste

O agricultor tarado tirou a roupa e começou a acariciar a pingola na frente da mulher, e ela saiu correndo pelas pastagens

Uma agricultora de 31 anos, quase é atacada por um homem de 30 anos numa propriedade da zona rural de Ouro Preto do Oeste, no momento em que ela estendia roupas no varal do quintal da sua casa, o ato só não foi consumado porque ela saiu correndo pelas pastagens até chegar à casa da vizinha mais próxima para pedir socorro.

O homem de iniciais F.S.A, com desejo sexual incontido, que mora na mesma comunidade, surgiu de repente na frente da casa da vítima, na hora que o marido dela não estava, tirou a roupa de baixo, arreando a calça, começou a acariciar o ‘pingolim’ e começou a caminhar no sentido à casa da senhora que estava trabalhando e sozinha em sua residência.

O caso que foi comunicado pelo esposo da vítima, ocorreu numa vila agrícola do Assentamento Rural Zumbi dos Palmares, no final da Linha 203, e foi registrado na Delegacia Civil de Ouro Preto do Oeste, pela Polícia Militar do subgrupamento do distrito de Rondominas, como Ato Obsceno.

A guarnição da PM de Rondominas, composta do cabo PM Lima e os soldados Da Costa e Mislane, compareceu na localidade rural distante, realizou diligências nas imediações, porém o tarado havia se evadido do assentamento, mas terá de comparecer perante as autoridades policiais para se explicar.

Fonte: www.correiocentral.com.br - ilustração: bp.blogspot.com