Correio Central
Voltar Notícia publicada em 21/06/2018

1ª blitz do Detran em Ouro Preto de fiscalização de mão única aprendeu 16 veículos por várias infrações de trânsito

Não era blitz de Lei Seca. A ação coibiu o trânsito de veículos na contramão das ruas que estão sinalizadas como mão única.

Já está em vigor na cidade de Ouro Preto do Oeste a fiscalização repreensiva com aplicação de medidas administrativas, de multas e até de recolhimento de veículos de condutores de veículos e motos flagrados transitando na contramão das ruas entre as avenidas Daniel Comboni e XV de Novembro, que foram transformadas em mão única e já receberam as placas de sinalização.

Na noite da última quarta-feira (20), em uma fiscalização realizada por agentes de trânsito do Detran com policiais militares da Companhia de Trânsito da cidade de Jaru nas imediações da quadra da feira do produtor, aonde acontece a aglomeração denominada ‘quarta do pastel’, foram registradas 113 abordagens.

Não era uma operação Lei Seca, era uma ação do Departamento Estadual de Trânsito (Detran/RO) para coibir veículos e motos na contramão das ruas de sentido único entre a Marginal da BR-364 e a Avenida Gonçalves Dias.  

Os agentes de trânsito emitiram 41 autos de infrações e 17 veículos foram apreendidos durante a blitz. Entre as multas aplicadas, está a de dirigir na contramão e fere o artigo 186 do CTB, o valor da multa é de R$ 293,47, considerada gravíssima, e o motorista perde 7 pontos na carteira

Quem foi flagrado transitando na contramão na operação, pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB) infringiu o Artigo 186 – II: transitar pela contramão de direção em vias com sinalização de regulamentação de sentido único de circulação. A multa é de R$ 293,47 e o motorista perde pontos na carteira.

Outra infração agora em vigor é quando o condutor diz que não viu a placa. Ele é autuado por dirigir sem os cuidados indispensáveis a segurança (artigo 169) e a multa é de R$ 88,38, e a infração considerada leve.

Outra infração que consta no artigo 181, inciso 15, que é retornar na contramão de direção ou estacionar. Multa de R$ 130,16.

A partir da implantação das placas de sinalização de mão única a fiscalização também já pode ser executada pela Polícia Militar que poderá aplicar essas multas para quem for flagrado transitando pela contramão, ou tentando burlar a regra de trânsito.

O trabalho de orientação pelos fiscais da 7ª Circunscrição Regional de Trânsito (7ª Ciretran) foi realizado na terça, na quarta e nesta quinta-feira durante o dia, a ação de fiscalização noturna ficará sob responsabilidade da PM já e durante as fiscalizações da equipe do Detran.  

o condutor diz que não viu a placa, ele é autuado por dirigir sem os cuidados indispensáveis a segurança (artigo 169) e a multa é de R$ 88,38 e a infração é leve.

VÁRIAS MOTOS FORAM RECOLHIDAS

 

Fonte: www.correiocentral.com.br