Correio Central
Voltar Notícia publicada em 27/07/2018

Veja Portaria: Concurso da PRF com 500 vagas é autorizado; salário chega a R$ 10 mil.

Atualmente, há 10.158 servidores ativos na corporação, até dezembro, 2.053 policiais estarão aptos a solicitar a aposentadoria.

Está publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta sexta-feira (27/7) portaria autorizando o concurso da Polícia Rodoviária Federal (PRF), um dos mais esperados para 2018. São 500 vagas de nível superior. O edital deve ser publicado em até 180 dias.

A remuneração inicial chega a R$ 10.357,88, somando os auxílios alimentação e saúde. Para concorrer, o candidato precisa ter entre 18 e 65 anos, ensino superior completo em qualquer área e carteira de habilitação.

A banca organizadora deve ser o Cebraspe. O último concurso foi realizado em 2013.

A seleção contará com prova escrita, teste de capacidade física, análise psicológica, de saúde, além de investigação social, de curso de formação e títulos. Esse processo leva de nove meses a um ano. É o tempo necessário para que todas as etapas do concurso sejam realizadas e a seleção seja homologada.

Falta de pessoal
Atualmente, há 10.158 servidores ativos na corporação, segundo dados da Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FenaPRF), de um total de 13.098 vagas existentes. Isso significa que 2.940 cargos estão desocupados e, até dezembro, 2.053 policiais estarão aptos a solicitar a aposentadoria.

Para atender às necessidades, a PRF trabalha nos bastidores para propor ao Planejamento a realização de concursos a cada dois anos.

A necessidade de reforço é antiga. Em 2006, um levantamento realizado pelo Tribunal de Contas da União (TCU) apontou que, para garantir o bom funcionamento da PRF, seria mecessário um efetivo de 18.172 servidores.

Na avaliação atual da FenaPRF, esse número já está defasado. Em sua cobertura de mais de 70 mil km de malha rodoviária federal, a PRF conta com 27 superintendências regionais, 147 delegacias regionais e 427 postos.