Correio Central
Voltar Notícia publicada em 02/01/2019

Rondônia: homem atira 13 tijolos contra casa do prefeito do Vale e é preso pela PM

Edenilson José Messias havia sido proibido de participar da festa de Réveillon na praça da cidade na noite anterior, e no outro dia apareceu na casa do prefeito.

No interior de Rondônia um homem arremessou 13 tijolos contra a residência do prefeito Charles Gomes Pinheiro (PSDB), de Vale do Paraíso, sob a alegação de que estava revoltado por causa do fechamento dos postos de combustíveis da cidade no feriado de 1º de janeiro, e só parou quando foi contido e detido pela Polícia Militar.

Dois dos tijolos arremessados pelo infrator identificado por Edenilson José Messias, conhecido por “cabeça do pastel” e “Denis”, 44 anos, atravessaram a janela de blindex da casa atingindo móveis, e quase acerta a família do prefeito que se encontrava na sala com a esposa e filho, e se preparavam para assistir pela TV a posse do presidente Jair Bolsonaro.

Segundo relatório dos policiais militares que atenderam a ocorrência, o autor dos danos causados na casa do prefeito aparentava estar embriagado, e alegou que estava revoltado por não ter posto de combustível aberto na cidade e o prefeito não tomava providências.

No entanto, Edenilson já havia estado na casa de Charles Gomes momentos antes e conversado com ele, depois voltou e praticou o ato de depredação que quase fere a família do administrador do município.  

A reportagem apurou que o acusado costumava participar de festas e eventos na cidade de Vale do Paraíso como vendedor ambulante, mas na festa de Réveillon realizada pela prefeitura, na noite de 31 de dezembro na praça pública da cidade, ele havia sido proibido de participar do evento.

Edenilson foi trazido pela PM para Ouro Preto do Oeste e encaminhado a Delegacia de Polícia Civil e não chegou a ser preso, provavelmente ele pagou fiança e foi liberado para responder em liberdade pelo ato praticado contra a casa do prefeito.   

Fonte: www.correiocentral.com.br