Correio Central
Voltar Notícia publicada em 21/08/2018

Ouro Preto sedia 18º Encontro de Militares Evangélicos no próximo sábado, 25

Evento contará com a presença de militares evangélicos da Aeronáutica, Bombeiros, do Exército, da Marinha e da Polícia Militar.

O templo da Igreja Assembleia de Deus (IEAD) de Ouro Preto do Oeste (RO) sedia no dia 25 de agosto, próximo sábado, o 18º Encontro da União dos Militares Cristãos Evangélicos de Rondônia promovido pela UMERON – União dos Militares Evangélicos de Rondônia.

O tema do Encontro que começa às 19h30 será “As Armas da Nossa Milícia São Poderosas em Deus”, e a data do evento será no Dia do Soldado.

O tenente PM Diógenes que é evangelista da IEAD, informa que já estão confirmadas caravanas de Porto Velho a Vilhena, também estarão no encontro o Coronel PM Rildo Flores, Subcomandante Geral da PM/RO, e o Coronel BM Gilvander Gregório de Lima, Chefe de Estado Maior Geral da corporação.  

O evento inicia a partir das 19 horas, contará com a presença de militares evangélicos da Aeronáutica, Corpo de Bombeiros, do Exército, da Marinha e da Polícia Militar, e terá como preletor o Capitão PM Barros, de Porto Velho (RO).

A coordenação informou que, para o evento, está sendo mobilizado todos os comandos de quarteis militares do estado, além das pregações e alusões ao Dia do Soldado, ao final vai ser servido um jantar aos militares.

 “Jesus Cristo é o general dos generais”

O aluno a SGT Joel Gomes Bernardo, que pertence ao PATAMO (Policiamento Tático Móvel) do 2º BPM em Ji-Paraná, evangélico da IEAD que está a 15 anos servindo a Polícia Militar é um dos militares mais destacados por sua atuação no combate ao crime.

 Quando atuou na 3ª Companhia de Policiamento (3ª Cia/PO/OPO/2º BPM) em Ouro Preto do Oeste ele se dedicava a função e seus plantões sempre rendiam ações de combate a crimes e diversos ilícitos.

Quando SGT Bernardo tirava a farda ele se convertia no irmão Bernardo da igreja Assembleia de Deus sede, e nos dias de eventos com presença de caravanas colocava um colete escuro e se juntava aos demais membros na organização do estacionamento.

Sem privilégios na congregação, apenas por ser um crente determinado a servir a Deus. “Acredito que ser policial militar é mais que uma profissão, é um sacerdócio. Quando um criminoso comete crimes fazendo vítimas, Deus não vai mandar um anjo lá do céu com um cavaleo branco para prender o criminoso, até porque ele não precisa porque tem homens corajosos aqui na terra levantados por Deus para combater o mal”, prega o PM Bernardo.

“Atribuo o sucesso da minha carreira ao senhor Jesus Cristo que é o general dos generais, a ele toda honra e glória para todo o sempre. Amem...”, finalizou.    

Pastor José Pocidônio, presidente da IEAD de Ouro Preto, defende que, a evangelização de militares e de policiais de outras forças de segurança pública, ajuda a formar um cristão com comportamento equilibrado, mais relaxado e com menor índice de stress.  

“A gente sabe que o crime é algo promovido pelo mal, e quem combate ao crime apesar das armas precisa de Deus, da proteção espiritual, porque o mal não se combate só com armas humanas. Ele tem a proteção de Deus sobre ele”, concluiu o pastor da IEAD.

Autor: Edmilson Rodrigues - fotos: arquivo pessoal.

Sem a farda, o grandalhão SGT Bernardo se transforma no cristão da Igreja Assembleia de Deus 

Fonte: www.correiocentral.com.br