Correio Central
Voltar Notícia publicada em 17/08/2017

Ouro Preto: incêndio criminoso em oficina de um veículo VW Golf é registrado pela PM na Polícia Civil

A Polícia Miliar arrombou a porta da casa temendo que pudesse existir vítima amarrada dentro da casa precisando de socorro,

A Polícia Militar em Ouro Preto do Oeste registrou na madrugada de quarta-feira (16) uma ação criminosa em uma oficina mecânica localizada na BR-364, em frente ao Viveiro 1º de Maio, que resultou em um incêndio criminoso que destruiu um carro esportivo modelo VW Golf, propriedade de um mecânico de 44 anos, especializado em conserto de câmbio automático de veículos.

Foi jogado grande quantidade de gasolina no interior do veículo ano 2004 avaliado em R$ 28 mil que acabou consumido pelas chamas, o sinistro foi comunicado à Polícia Militar por um caminhoneiro que passava pela BR-364 e viu as labaredas de fogo saindo de dentro do veículo. Os militares seguiram para o local e ao constatarem a veracidade dos fatos, acionaram o Corpo de Bombeiros.

Os policiais militares relataram na ocorrência que não havia ninguém na residência, todas as luzes estavam acessas, e como havia a possibilidade de existir uma potencial vítima de algum atentado criminoso, ou alguém amarrado dentro da casa precisando de socorro, os bombeiros quebraram um vidro do veículo e os Pms arrombaram a porta dos fundos da casa e felizmente não havia ninguém.

Os PMs relataram ainda que provavelmente o proprietário do veículo tenha sofrido um atentado contra seu patrimônio, pois somente o veículo foi incendiado e ao perceber que estavam tentando incendiar seu veículo, tomou fuga do local tendo em vista que o ar-condicionado e algumas luzes ficaram ligadas.

O mecânico compareceu na Delegacia Civil na noite de ontem para registrar ocorrência sobre o incêndio criminoso, e acrescentou que depois que a PM esteve no local, alguém apareceu lá e furtou um notebook com aparelho de injeção eletrônica original da Ford, um notebook marca Toshiba, um vídeo game X Boz 360, um Data Show, receptor de antena parabólica e um roteador de internet da Operadora Claro.

A vítima do atentado era de Ji-Paraná e se mudou recentemente para Ouro Preto, e sua especialidade é em conserto de câmbio automático. Ele relatou que o seu veículo está exalando forte cheiro de gasolina, que a algum tempo vem recebendo ameaças de algumas pessoas e, em razão disso, solicita das autoridades policiais uma perícia no local para constatar que o incêndio foi criminoso.

O mecânico disse que fugiu de casa porque observou que um veículo estava passando em frente à sua oficina de um lado para o outro na rua marginal da BR-364, e temendo por sua vida resolveu sair de casa.

     

    

Fonte: www.correiocentral.com.br