Correio Central
Voltar Notícia publicada em 27/02/2018

Ouro Preto: idosa abre porta para homem que dizia ser policial e é agredida e assaltada no Jardim Aeroporto

A idosa tem dificuldade para enxergar, o ladrão se aproveitou da situação para entrar na casa dela se passando por policial

Na cidade de Ouro Preto do Oeste uma idosa com 65 anos que tem um grau de deficiência visual foi ludibriada por um marginal que se passou por um agente policial e acabou sendo assaltada e agredida pelo bandido.

O roubo ocorreu na noite de domingo, por volta de 23h40, no Jardim Aeroporto I, à rua Colibri. A vítima estava dentro de casa com a porta trancada, e ouviu uma voz do sexo masculino bater na porta e dizer que era um policial.

Ao abrir a porta a idosa foi surpreendida por um marginal que de maneira violenta a agrediu e empurrou arremessando-a no estofado da sala.

Dentro da casa, o bandido começou a ameaçar a idosa de morte caso ela não desse dinheiro a ele. Diante da negativa da senhora, o ladrão se apossou de um aparelho celular e da bolsa da vítima contendo documentos pessoais e cartão de benefício social, pulou o muro da residência e fugiu.

A Polícia Militar foi acionada no local e a PM Rosana após ouvir a idosa, e uma vizinha dela de 30 anos e fazer as devidas anotações se dirigiu até a Delegacia de Polícia Civil para o registro da ocorrência policial do roubo praticado pelo ladrão que se passou por policial para entrar na moradia.

Imagem: ilustrativa

Fonte: www.correiocentral.com.br