Correio Central
Voltar Notícia publicada em 20/09/2017

Nove Atletas de Ouro Preto conquistam 16 medalhas no Brasileiro de Karatê e são recebidos com festa

Oito atletas de Ouro Preto e um de Teixeirópolis subiram ao pódio no Rio e desfilaram em carro aberto na chegada a Ouro Preto

Chegaram à cidade na manhã desta terça-feira (20) nove atletas da Academia Nyumon de Ouro Preto do Oeste (RO), treinados pelo Sensei Eriovaldo Pereira Batista, o “Erik”, que subiram ao pódio 15 vezes no Campeonato Brasileirão de Karate 2017 organizado pela CEEBK – Confederação Esportiva e Educacional Brasileira de Karate, realizado de 14 a 17 de setembro no Estado do Rio de Janeiro, na cidade de Niterói, no ginásio Caio Martins.

A delegação com oito atletas de Ouro Preto do Oeste e um atleta de Teixeirópolis conquistou seis medalhas de ouro, três de prata e sete de bronze, eles foram recebidos com festa pelo prefeito e o presidente da Câmara, e familiares, e desfilaram pelas ruas da cidade no caminhão do Corpo de Bombeiros.  

Apesar da presença das autoridades no evento, os atletas não receberam apoio público ou de político, contaram com o apoio dos “paitrocinadores” e de várias representações comerciais que incentivam o esporte amador estudantil. “A gente não teve apoio público não. O apoio que a gente teve foi dos pais que foram atrás de patrocínio, do comércio, alguns vereadores ajudaram, mas a nível público nós vamos tentar na próxima”, disse o sensei Erik Batista, logo após o desembarque da delegação.

Tecnicamente, os atletas que conquistaram Ouro garantem vaga para disputar o Mundial este ano que vai acontecer em novembro na Islândia, país localizado na região Escandinávia do Atlântico Norte, no Continente europeu, mas não existe condições financeiras para eles viajarem. “O esporte é possível e a gente tem talento aqui em Ouro Preto e região, o que está faltando é apoio mesmo”, defende o Sensei. 

Veja a relação dos atletas que subiram ao pódio no Rio de Janeiro:

Thiago Kenji, de 14 anos, conquistou ouro na modalidade Kata individual, e foi o campeão brasileiro no Kumite individual e Kumite equipe. Guilherme Oliveira conquistou medalhas no Kata individual, kumite individual e kumite equipe. Mateus Ramos, da cidade de Teixeirópolis, ficou no Rio de Janeiro e não veio com a equipe; ele conquistou três medalhas na competição no Kata individual, kumite individual e só equipe. Paulo Henrique conquistou medalhas na modalidade Kata individual, kumite individual; Beattriz de Oliveira, 13 anos, foi a campeã na luta Kumite individual e Djanluca Ítalo Zulzle conquistou dois bronzes no Kata individual e kumite individual. Também competiram no Rio Lorram Parlote, Gabriel Alves e Guilherme Oliveira.

Fonte: www.correiocentral.com.br