Correio Central
Voltar Notícia publicada em 31/05/2017

Prévia do volume de negócios da 6ª Rondônia Rural Show ultrapassa R$ 650 milhões em comercialização

Muitos produtores trocaram de caminhonete aproveitando a taxa de juros do Invest Agro; houve a aquisição de silos para estocagem

Avalição prévia da movimentação comercial da 6ª Rondônia Rural Show, encerrada no último sábado (27), estima que que os negócios firmados devem atingir R$ 669 milhões, esta previsão foi feita com base em informações repassadas pelas instituições financeiras e o governo estadual. As agroindústrias familiares movimentaram R$ 170.735 e o artesanato 158.309.

Os bancos e cooperativas que dispuseram de recursos contam 30 dias antes e 30 dias depois do evento, e alguns produtores fazem a proposta, mas preferem fechar negócio na agência em suas cidades, conforme explica Jhovito Evaristo Correa, gerente de Mercado do Banco do Brasil em Rondônia.

No último dia da Feira, o Banco do Brasil ultrapassou a meta de fechar 300 propostas, com destaque para três financiamentos na ordem de R$ 11 milhões para construção de silos para armazenamento e secagem de grãos nos municípios de Machadinho do Oeste, Porto Velho e Itapuã do Oeste. 

O Basa, que inicialmente dispôs de R$ 300 milhões começou o evento com um total de R$ 219 milhões já contratados, e de acordo com o superintendente em Rondônia Wilson Evaristo, ao final da feira os investimentos ultrapassaram a quantia de R$ 232 milhões e com as propostas internalizadas em todas as agências o valor inicial proposto poderá ser ultrapassado.

A meta do Sicoob é de atingir R$ 25 milhões, o Banco do Povo de Rondônia operacionalizou mais de R$ 900 mil, outras bandeiras cooperativas e bancos privados também melhoraram a perspectiva de investimentos assim que a 6ª Rondônia Rural Show teve início.

Em Rondônia, o volume de vendas mostra que os investidores do agronegócio apostam no cenário de recuperação da economia, e o destaque de vendas verificado na feira de Ji-Paraná foi para o setor de máquinas (tratores e implementos). Segundo os agentes do Banco do Brasil, muitos produtores aproveitaram a linha do Investe Agro, que financia até 100% a compra de caminhonetes cabine dupla com taxa de juros de 10.87% 12,75%a.a.

ORGANIZAÇÃO HOMENAGEOU AS PESSSOAS QUE CONTRIBUÍRAM PARA A REALIZAÇÃO DO EVENTO

ESTIMATIVA DE PÚBLICO FOI DE 70 MIL PESSOAS DURANTE OS DIAS DA FEIRA

BANCO DO BRASIL VENDEU UMA COLHEITADEIRA PELO APLICATIVO DE CELULAR PARA UMA PRODUTORA

 

 

Fonte: www.correiocentral.com.br - fotos Edmilson Rodrigues